fbpx

Se tens ou vais criar um negócio, seja ele online ou não certamente já te questionaste se faz sentido ter um site próprio. 

A resposta é muito simples: Sim, faz todo o sentido!

Apesar da diversidade de plataformas online e redes sociais onde podes e deves estar presente (se fizer sentido para o teu negócio), a verdade é que ter um site do teu negócio é ter uma “casa” onde tu tens controlo absoluto sobre o que lá colocas.

Tu é que decides o que mostras, como mostras, como queres que os visitantes interajam e não tens limitações na informação que lá partilhas.

Numa rede social estás restringido às regras da plataforma, à forma como a informação é apresentada e não tens qualquer garantia que a plataforma exista para sempre. Novas redes sociais vão surgindo e nas redes sociais mais usada é cada vez mais difícil chegar ao teu público sem investir algum dinheiro em publicidade.

Basicamente estar nas redes sociais é como arrendar um apartamento em comparação com ter o teu próprio site, que é como comprares um terreno para construíres uma casa ao teu gosto.

 

Ter um site dá credibilidade e por isso deve ser pensado de forma estratégica para que cumpra a sua função.

 

Se ainda tens dúvidas deixo aqui as principais razões do porquê ter um site é tão importante:

 

CREDIBILIDADE

Sê transparente na informação que partilhas no teu site. Explica aos teus visitantes qual o objetivo da tua marca e como os podes ajudar. Dá informação útil sobre o teu negócio, tais como contactos telefónicos, morada e horário de funcionamento. Não te esqueças também de incluir um formulário de contacto para facilitar a comunicação com o teu negócio.

Se tiveres uma loja online partilha informação importante ( e obrigatória) tal como a política de devoluções e informações de pagamentos. 

Uma boa prática é colocares-te no lugar do visitante e disponibilizar no site a resposta a todas as potenciais perguntas que ele possa ter, mesmo que sejam informações que para ti pareçam básicas. 

Quando o teu negócio tem uma presença digital diferenciadora da concorrência, isso vai impactar na imagem que transmite e vai chamar a atenção de potenciais clientes.

 

ATRAIR CLIENTES

Um site bem pensado e otimizado tem a capacidade de atrair visitantes organicamente. Que quer isso dizer? Quer dizer que, quando alguém faz uma pesquisa num motor de busca pode encontrar resposta ao que procura no teu site e a partir daí começar a criar uma relação com a tua marca.

Ter um a newsletter e um blog são ferramentas de interação importantes que deves considerar ter no teu site e que vão ajudar a que as pessoas tenham confiança no negócio.

Dá aos visitantes razões para te escolherem. 

Tendo total controlo do site não há limites para a informação que colocas. Imagens, texto, vídeo, cronogramas…Mostra aos visitantes porque é que a tua marca é especial. Mantém o site sempre atualizado e nunca deixes um potencial cliente sem resposta.

 

Dica extra: se tens uma loja online, disponibiliza um chat para ajudar os potenciais clientes a esclarecerem as suas dúvidas rapidamente.

 

EXPANSÃO DO NEGÓCIO

O mundo online não tem fronteiras. Cabe a ti definires onde queres estar e a quem queres chegar. Se por exemplo, queres chegar a um público além fronteiras deves considerar ter o site noutro idioma além do português. 

Se tens um negócio local, o teu público pode estar confinado a alguns quilómetros ao seu redor e ter o site vai mostrar que o negócio existe a todas as pessoas que não passam à tua porta mas que frequentam a mesma zona. 

Define o teu público e cria o teu site de forma  a despertar o interesse daqueles que ainda não conhecem a tua marca.

Se o teu site for desenvolvido numa plataforma como o WordPress (plataforma que eu uso) vais poder ter um site que vai crescer conforme o crescimento do teu negócio. Podes começar por algo mais simples e, à medida das necessidades, ir incorporando novas funcionalidades.

 

SER UMA REFERÊNCIA

Se partilhares conteúdo relevante à tua área de negócio vais certamente ter mais visitas. O site não é apenas um cartão de visita. Queremos que, quem o visita, fique no site o mais tempo possível, e para isso tens que dar conteúdo relevante. Investe num blog com conteúdos úteis que estejam ligados direta ou indiretamente ao teu nicho de mercado e torna o site numa referência para quem quiser saber mais sobre essa área de negócio.

Calendariza e cria os conteúdos de forma consistente mas ao teu ritmo. Lembra que por cada conteúdo que crias podes reaproveitá-lo para divulgar nas redes sociais e dessa forma trazer mais visitante ao teu site.

 

PORDATA

in www.pordata.pt

 

Em 2019, apenas 30%das empresas portuguesas com menos de 10 trabalhadores tinham um site. Apesar de ter havido um crescimento ao longo dos últimos anos, os números revelam que ainda há muitos negócios que não estão a aproveitar todo o potencial da internet.

Se a tua empresa está nos restantes 70%, já sabes que podes contar comigo para mudar essa estatística. Não fiques em desvantagem em relação aos teus concorrentes. Vamos conversar 🙂